DO CHÃO AO TETO: UMA OPÇÃO INTELIGENTE E CRIATIVA QUE É SIMPLESMENTE UM LUXO!

Tempos atrás poderia até ser estranho ouvir falar que as telhas metálicas trariam criatividade e versatilidade para as paredes de nossas casas e apartamentos. Hoje, com a evolução da arquitetura e também da construção civil, elas se tornaram uma novidade e uma opção altamente rentável.

Frequentemente, elas são usadas em grandes galpões e indústrias com o intuito de trazer mais rapidez, praticidade e sustentabilidade na hora de cobrir as estruturas.

Antigo celeiro sendo reformado com telhas metálicas. Uma combinação magistral de metal e madeira

Trazendo para a vida cotidiana, ela se torna largamente útil na hora de personalizar paredes de forma mais econômica, garantindo longa duração e uma variedade imensa de aplicações junto a outros tipos de materiais, como madeira e vidro.

Na arquitetura, as telhas metálicas se traduzem em sofisticação, qualidade e praticidade. Ou seja, elas são a resposta perfeita para a criação de espaços customizados e a repaginação de ambientes antigos.

Jardim cercado por uma parede construída a partir de telhas metálicas. União do moderno e do natural. FONTE: http://www.beeyoutifullife.com/

Na matéria de hoje, vamos abordar esse tema a partir de três aspectos. O primeiro será os seus diferentes tipos. O segundo será a sua aplicabilidade e o terceiro irá visar as vantagens desse tipo de material.

Portanto, continue conosco e descubra o real motivo das telhas metálicas serem uma excelente opção.

Tipos de telhas metálicas

Na criação de projetos se torna necessário uma definição correta de como irá se estruturar a construção do ambiente, os materiais que serão utilizados e como serão empregados.

Não é diferente na hora de se usar as telhas metálicas ou como cobertura ou como revestimento. É necessário prévia avaliação e compreensão.

Por isso, mais do que se estabelecer como deseja o ambiente, é fundamental saber quais são os tipos e finalidades para cada telha metálica. Dessa forma, você saberá utilizá-las de forma mais otimizada, adequando-as ao ambiente externo e criando planos para que as deficiências que elas possuem sejam contornadas.

Basicamente, podemos encontrar telhas metálicas de alumínio, aço inox, galvalume e aço galvanizado. Provavelmente, não é a primeira vez que ouviu esses termos. E aqui, iremos explicar de forma objetiva cada um.

Antes disso, é ideal que saiba que as Telhas Metálicas podem possuir três formas geométricas. São elas:

Onduladas: As onduladas são indicadas para ambientes curvados, já que a altura de sua onda é menor tornando-a mais flexível;

Trapezoidais: As trapezoidais possuem ondas mais altas e largas sendo indicadas para localidades que possuem níveis altos de águas pluviais.;

Trapezoidais nervuradas: O mesmo acontece com as trapezoidais com nervaduras que são indicadas para fechar grandes locais e ótimas para conter as águas da chuva.

Figura 1: Telha trapezoidal com nervura

Figura 2: Telha de metal ondulada

Figura 3: Telha de metal trapezoidal

Além dessas três formas, elas podem ser encontradas em dois modelos: simples e termoacústicas.

As simples são aquelas com espessura de 50 mm que são perfeitas para criação de locais pequenos, como quartos e aplicação em paredes. Servem também para cobrir as estruturas.

As termoacústicas são aquelas que possuem adição de materiais que são naturalmente contra invasões sonoras e de raios solares, como o isopor.

Agora, vamos ao que interessa: os tipos de telhas metálicas.

Telhas Metálicas de Alumínio:  o ponto forte dessa composição é o fato de ser altamente resistente aos reflexos solares, conferindo ao ambiente mais frescor. Por serem regidas pelas normas NBR 14 513 e NBR 14 514, são credenciadas para uso interno e externos.

Telhas Metálicas de Aço Inox: O aço inox apresenta longa durabilidade e resistência aos fatores externos. É uma grande opção para quem deseja diversas cores, já que pode receber diferentes pinturas. Além de oferecer manutenção mínima e diferentes formatos. É um material maleável e de fácil reestruturação.

Telhas Metálicas de Aço Galvalume: Se quer custo pequeno e larga durabilidade, eis a sua opção. É uma chapa de aço revestida de liga Al-Zn (Alumínio e Zinco) e com isso apresenta resistência aos raios solares, as corrosões atmosféricas e uma estética agradável e dependendo da cor, pode trazer um aspecto de diversão.

Telhas de Aço Galvanizado: O processo de galvanização consiste em aplicar uma camada de zinco sobre o aço em alta temperatura. O objetivo é criar uma grande proteção contra corrosões resultando na composição mais durável de todas os tipos já citados. Além disso, oferece proteção tanto contra incêndio como para inundações e se configura em uma opção totalmente ecológica, já que é 100% reciclável.

Fachada de uma casa repaginada com a utilização de telha galvanizada. FONTE: http://davidlangston-jones.com.au

Criando ambientes personalizados: a aplicabilidade das telhas metálicas

O mais interessante das telhas metálicas não é o fato de poder ser aplicada no interior e exterior de uma casa ou apartamento. O mais interessante é a sua capacidade de se adequar aos diferentes estilos e personalidades.

É possível, com uma combinação simples de telhas metálicas coloridas, objetos decorativos e moveis customizados, obter um resultado que vai da estética industrial até a estética urbano underground. Tudo depende de quem vê e de quem cria.

Sacada com aplicação de telhas metálicas com pintura eletrostática. Um belo exemplo de simplicidade. FONTE: http://www.beeyoutifullife.com/

Obviamente, não há como negar que quando usadas elas trazem consigo um ar de modernidade e um estilo único podendo apresentar um aspecto simples ou um estilo atraente e forte.

Agora dá uma olhada nesse vídeo pra lá de interessante que reservamos pra você.

https://www.youtube.com/watch?v=SO5lJtBS2uU