Estrutura metálica, alvenaria tradicional, esquadrias de PVC e qualidade nos acabamentos

Projeto: Arq. Renata Kummer (*)

A residência esta implantada num terreno em aclive, com forma de trapézio. O amplo programa de necessidades do projeto impedia recuar a edificação e as restrições do regulamento do condomínio em relação à altura total permitida, levou a arquiteta a optar pela criação de um subsolo para abrigar a área de serviço e a garagem. A subsequente escavação levou a utilização de formas (painéis modulares para paredes) para execução dos muros de arrimo laterais.

 

         

A escolha da estrutura metálica como opção estrutural decorre da facilidade em vencer grandes vãos, da precisão construtiva e da compatibilidade com outros materiais. Além de outras vantagens do aço, foi possível na fase inicial do planejamento obter uma maior análise e detalhamento, permitindo assim um projeto mais integrado e flexível, forçando uma interatividade e conhecimento mais amplo entre projeto x construção.

 

       
 

Estudo Climático – Gráficos

Complementando ainda a análise de informações do estudo preliminar e para aprimorar as propostas do partido arquitetônico, foi feito um estudo das condições climáticas especificas da região. Todos os dados climáticos apresentados nos gráficos abaixo foram fornecidos pelo “US Departament of Energy Efficiency & Renewable Energy.” “A concentração nas formas passivas de aquecimento, refrigeração e iluminação, além de influenciarem diretamente o conceito arquitetônico, são cruciais para os princípios básicos de uma casa”, comenta a Arq Renata Kummer, responsável pelo projeto arquitetônico e pela execução da obra.

 

                      
     

Foi feita a escolha de portas e janelas de PVC revestidas em alumínio, pelo alto nível de qualidade do produto – fabricado no Brasil com tecnologia alemã – que possui ótimo desempenho termoacústico evitando assim as fugas de calor e frio. A residência conta com ventilação cruzada, com predominância de iluminação natural, possibilitando economia de energia elétrica. A claraboia central localizada sobre a escada acrescenta uma melhor distribuição da luz natural nos ambientes. Possui também instalação de painéis solares para aquecimento de água. A qualidade dos acabamentos se reflete nos detalhes e na escolha dos materiais, como no caso dos revestimentos da marca italiana Florim, utilizados tanto da fachada quanto nos interiores.

Exteriores      

                

Interiores

      
 

         

Plantas

                      

Corte e Elevações

        

         

Ficha Técnica

• Local: Alphaville /São Paulo • Inicio: Março 2013 • Término: Maio 2015 • Área do terreno: 737 m2 • Área Construída: 885 m2 • Projeto Arquitetônico: Arq. Renata Kummer • Construção: Arq. Renata Kummer • Administração de Obra: Eng. Matias Pereira Neto • Projeto Estrutural Fundação: Eng. José Ignácio Coelho Mendes • Execução Fundação e Arrimos: Eng. Matias Pereira Neto • Projeto Elétrico e Hidráulico: Eng. Roberto Giacometti • Execução Elétrica: ABS Consultoria • Projeto, fabricação e Montagem da Estrutura Metálica: Acciaio Estruturas Metálicas  • Peso estimado da Estrutura: 55 t • Aço empregado: Chapas ASTM A36 • Esquadrias: Weiku • Portas: Hormann/Solarlux • Forros Knauf: Montagem AVisentim • Sistemas para drenagem: Ulma • Produtos Químicos: MC-Bauchemie

Arq. Renata Kummer

Perfil

Formada em Arquitetura no México e com pós-graduação na Espanha, conta com uma vivência de 18 anos no exterior, dos quais 10 anos na Alemanha, 5 no México e 3 na Espanha, onde fez 2 pós graduações em Madrid.

Retornou ao país em 2009, desde então reside e atua em São Paulo. Com escritório no Morumbi.

 

Imagens: enviados pela Arq. Renata Kummer Data de Revisão: 07/2019