• Propriedades Mecânicas – Aços Estruturais
  • Condições Recomendadas para tratamento Térmico e Termo-Químico

 

Tubos Mecânicos Trefilados

Medidas Garantidas

Diâmetro Interno (furo)

Peso

Comprimento

Diâmetro Nominal

D. Externo

(+/-) mm

Parede

(+/-) %

Máximo

– mm –

Mínimo

– mm –

kg/m

m

Externo

Interno

32,20

0,20

6,20

10,00

21,24

18,36

4,00

8,0 a 12,0

32

20

8,30

17,46

13,74

4,90

8,0 a 12,0

32

16

36,20

0,20

5,70

10,00

26,14

23,46

4,30

8,0 a 12,0

36

25

8,30

21,46

17,74

5,70

8,0 a 12,0

36

20

10,40

17,68

13,12

6,60

8,0 a 12,0

36

16

40,60

0,20

6,40

10,00

29,28

26,32

5,40

8,0 a 12,0

40

28

7,90

26,58

23,02

6,40

8,0 a 12,0

40

25

10,60

21,72

17,08

7,80

8,0 a 12,0

40

20

45,20

0,20

6,70

10,00

33,34

30,26

6,40

8,0 a 12,0

45

32

8,80

29,56

25,64

7,90

8,0 a 12,0

45

28

11,70

24,34

19,26

9,60

8,0 a 12,0

45

22

50,20

0,20

7,30

10,00

37,26

33,94

7,70

8,0 a 12,0

50

36

9,50

33,30

29,10

9,50

8,0 a 12,0

50

32

13,10

26,82

21,18

12,00

8,0 a 12,0

50

25

56,40

0,30

8,80

10,00

40,86

36,74

10,30

8,0 a 12,0

56

40

10,80

37,26

32,34

12,10

8,0 a 12,0

56

36

14,80

30,06

23,54

15,20

8,0 a 12,0

56

28

63,40

0,30

7,20

10,00

50,74

47,26

10,00

8,0 a 12,0

63

50

12,70

40,84

35,16

15,90

8,0 a 12,0

63

39

15,50

35,80

29,00

18,30

8,0 a 12,0

63

33

183,60

1,90

20,00

12,50

150,50

136,70

80,50

8,0 a 12,0

180

148

PROPRIEDADES MECÂNICAS

Aços Estruturais EspecificaçãoLimite de Escoamento (fy) (MPa)Limite de Resistência à Tração (fu) (MPa) Alongamento
Lo (mm)(%) Mínima
VMB 250 > 250 > 400 50 23
VMB 300 > 300 > 415 50 21
VMB 350 > 350 > 485 50 20

Patináveis (*)

VMB 250cor > 250 > 400 50 23
VMB 300cor > 300 > 415 50 21
VMB 350cor > 350 > 485 50 20

Aços diferentes dos relacionados, mediante consulta
(*) Aços com resistência à corrosão atmosférica superior – índice ASTM G101 > 6,0

Módulo de elasticidade do aço: E= 205.000 N/mm²
Módulo de elasticidade transversal do aço: G= E ~ 79.000 N/mm²
2 ( 1 + v )
Coeficiente de Poisson do aço:
(domínio elástico)
v+ 0,3
Coeficiente de dilatação térmica do aço: a = 12.10 -6 / 0 C
Densidade do aço: r = 7.850 Kg/m²

Condições de Fornecimento

Utilização

Aço de granulação fina com elevado limite de escoamento e elevada resistência, excelentes propriedades de usinagem e soldabilidade ilimitada. Indicando para a construção mecânica em geral, particularmente na fabricação de peças sujeitas a esforços. O aço St 52 é o tipo padrão para Tubos Mecânicos V & M

Composição Química aproximada

C

0,20

Si

0,30

Mn

1,40

P

Máx

0,030

S

Máx

0,030

Características Mecânicas

Valores Mínimos

Estado de fornecimento

Resistência à tração MPa

Limite de escoamento MPa

Alongamento

%

Dureza

Brindell

Normalizado

510

343

22

145

Condições Recomendadas para Tratamento Térmico e Termo – Químico

Normalização

Entre 890-920°C com resfriamento ao ar. Tempo de permanência na temperatura de normalização: 1 minuto por mm de espessura

Têmpera e Revenimento

Aquecer a 840-850°C a resfriar em água agitada com 10% de sal. Com um subseqüente revenimento a 180°C em banho de óleo, durante 2 horas, a peça deverá atingir uma dureza de aproximadamente 40 RC.

Cementação

Têmpera

Revenimento

Temperaturas Meios

880-920°C Empacotamento em compostos carbonetantes

900-925°C Em ambiente gasoso

850-920°C Em banho de sal

O tempo e a temperatura da concentração dependem da penetração que se deseja obter, como também da eficiência dos meios de carbonetação e outros fatores

1) Diretamente do forno de cementação, deixando-se cair a temperatura a 800°C. Resfriamento em água ou, alternativamente, em óleo, se houver a adição de amoníaco ao gás de cementação

2) Depois de cementada, deixa-se resfriar a peça na própria caixa ou ao ar livre até 650°C. Em seguida, procede-se à têmpera elevando-se a temperatura entre 770-810°C seguido de resfriamento em água.

3) Diretamente do forno de cementação a peça é resfriada em banho de óleo, e em seguida, temperada entre 770-810°C com resfriamento em água.

O revenimento das peças temperadas procede-se entra 150-200°C durante 1 hora após o aquecimento total.

Resfriamento ao ar livre

Soldagem

O aço St 52 pode ser facilmente soldado, usando-se, de preferência, eletrodos com revestimento básico.

 

Fonte:

V&M Tubes

Nota: Foram tomados inúmeros cuidados para que as informações contidas nesta página sejam acuradas. O Portal Metálica, no entanto, não se responsabiliza por eventuais erros ou enganos. Portal [email protected] – Todos os direitos reservados.